A programação do Junta EXPANDIDO começa nesta terça-feira, dia 11. A ocupação vai durar cerca de seis meses e é proposta pela diretoria e curadoria do JUNTA Festival Internacional de Dança, em parceria com a Escola Estadual de Dança Lenir Argento (EEDLA). A abertura será às 14h30 com a oficina “pequena vivência para escrever ficção e opinião”, do escritor e roteirista piauiense, Ítalo Damasceno.

A oficina será ministrada a partir de um estúdio montado pela equipe do Junta EXPANDIDO na Escola de Dança Lenir Argento, e será transmitida ao vivo para os participantes, que podem ser de qualquer lugar do Brasil e do mundo. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo link linklist.bio/expandido até as 12h de hoje (11).

“O Junta EXPANDIDO é um projeto de ocupação com ações formativas e de fomento à criação em dança. Vamos ter oficinas, residências, mostra de vídeos e uma novidade que estamos chamando de “incubadora”: um processo para investir em artistas-criadores de Teresina, fomentando tanto financeiramente, através da Lei de incentivo Aldir Blanc (a lei emergencial de cultura que está financiando o projeto), como através da formação desse lugar criativo, para que a gente possa, no contexto de isolamento social, fazer algum tipo de “manutenção” no trabalho dos artistas de Teresina e do nosso estado”, explica Jacob Alves, um dos curadores e diretores do JUNTA.

Todas as oficinas da programação serão ministradas por artistas ou grupos de artistas que atuam na cidade de Teresina. De acordo com Janaína Lobo, também curadora e diretora do JUNTA, a intenção é “criar espaços de encontro para troca de afetos e aprofundamento de saberes, numa relação horizontal, que possa driblar ou ir contra as lógicas capitalistas que tratam formação como um mercado, um bem a ser adquirido. O foco do EXPANDIDO são os artistas locais da cidade e o fomento ao processo de criação”, diz ela.

A oficina “pequena vivência para escrever ficção e opinião” começa na tarde de hoje e continua nos dias 13, 18 e 20 de maio, sempre das 14h30 às 17h, virtualmente. O objetivo é apresentar possibilidades de escrita para criar ficção ou escrever colunas opinativas em meios de comunicação ou redes sociais. A oficina será uma troca a partir das experiências profissionais de Ítalo Damasceno, autor do livro O Falso Francês e de roteiros para curta metragem e quadrinhos, além de colunas de arte e LGBTQIA+. Qualquer pessoa com 14 anos ou mais pode participar, basta inscrever-se pelo link linklist.bio/expandido.

As inscrições para outras 5 oficinas serão anunciadas em breve nas redes sociais do JUNTA (facebook.com/juntafestival ou instagram.com/juntafestivalteresina). Cada uma com seu próprio olhar, visando encontros focados em experiências artísticas diversas, elas trarão saberes sobre danças afro-brasileiras, criação de sketchbooks (livro ou caderno para traçar esboços ou projetos artísticos), audiovisual, entre outros. A programação inicia de maneira remota, mas a direção do evento planeja ações presenciais para um segundo momento, a depender da situação da pandemia no estado do Piauí.

O JUNTA EXPANDIDO, na modalidade OCUPAÇÃO, é financiado pela Lei Aldir Blanc através do edital/prêmio Maria da Inglaterra, realizado pela Secretaria de Estado de Cultura do Piauí / Governo do Piauí / SIEC / Ministério do Turismo / Governo Federal, e tem apoio da Escola Estadual de Dança Lenir Argento – EEDLA. Para mais informações, acesse o site www.juntafestival.com.br ou as redes sociais do Festival.