A residência “Afeto, Criação e Partilha – Produção Colaborativa como (Re)Existência”, proposta pela gestora cultural, atriz e fundadora da Aflorar Cultura, Cynthia Margareth (SP), traz como objetivo preparar o profissional das artes para a produção como criação de rotas de trabalho, sem perder sua essência criativa e sua motivação? Como evidenciar a importância de estabelecermos redes de difusão? Pensando nessas questões e considerando experiências acumuladas na produção e na sua atuação em coletivos e festivais, Cynthia criou esta residência para capacitar agentes culturais, apostando na produção de projetos em equipe, num trabalho organizado de forma a promover a colaboração, a interdisciplinaridade e a motivação essencial ao processo, garantindo a plena execução do projeto e propiciando o fortalecimento não só da equipe, mas de cada indivíduo envolvido.

Cynthia Margareth atua com foco na produção como eixo criativo, impulsionando ações colaborativas, criação de redes, formação e coordenação de equipes de trabalho. Há 10 anos oferece ações de capacitação em produção cultural. Apresenta o solo (desmontagem cênica) “4, 5, 4, 3… Um passo por vez” integrando a sua atuação como produtora e atriz. Por 15 anos dedicou-se à coordenação de produção do LUME Teatro – Unicamp e à coordenação geral do Feverestival – Festival Internacional de Teatro de Campinas.